Alguém me disse

Evaldo Gouveia & Jair Amorim

Em contrapartida à bossa nova de João Gilberto, fez grande sucesso o intimismo melancólico do também baiano Anísio Silva. Com seu timbre anasalado, ele seria figura assídua nas paradas de sucesso, entre 1958 e 63, sempre interpretando músicas românticas como “Alguém me disse”: “Alguém me disse que tu andas novamente / de novo amor, nova paixão, toda contente…”.

O curioso é que Anísio, até então um modesto balconista de farmácia, conheceu o sucesso aos 37 anos, depois de inúmeras tentativas frustradas de seguir uma carreira artística. O êxito de “Alguém me disse” influiu decisivamente no trabalho de seus autores, Evaldo Gouveia e Jair Amorim, que faziam sambas-canção e passaram a compor quase exclusivamente boleros (A Canção no Tempo – Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello – Vol. 2 – Ed. 34).

Extraído de http://cifrantiga3.blogspot.com.br

 

X.X.X.X.X.X.X.X.X.X

 

“Alguém me disse” é uma canção brasileira de estilo bolero, composta pela dupla Evaldo Gouveia e Jair Amorim, e lançada em 1960, quase simultaneamente, por Anísio Silva, no álbum “Alguém me disse” (ouça adiante!), Maysa, no álbum “Voltei” (Confira em ‘O tempo não apagou’!), Cauby Peixoto, no álbum “O sucesso na voz de Cauby Peixoto”, entre outros.

A canção conseguiu maior êxito com Anísio Silva, tornando-se o maior sucesso do cantor, logo no primeiro álbum. O sucesso foi tão grande, que o disco vendeu mais de dois milhões de cópias, tornando-o o primeiro cantor brasileiro a ganhar um “disco de ouro”. Os compositores, que costumavam criar samba-canções, passaram a se dedicar mais ao bolero, desde então.

Regravada diversas vezes, por vários cantores, a canção ainda é lembrada nos dias de hoje por novas gerações da Música Popular Brasileira. Em 1990, foi a vez de Gal Costa, em seu álbum “Plural”. Em 1997 foi Emílio Santiago. Ana Carolina, em seu primeiro álbum em 1999, regravou “Alguém me disse” com um arranjo de violoncelo. Em 2001, Simony regravou a canção para seu álbum “Simplesmente eu”.

A versão de Anísio Silva está na trilha sonora da telenovela “Os Imigrantes – Terceira Geração”, exibida na Rede Bandeirantes em 1982.

A versão de Gal Costa está na segunda trilha sonora nacional da telenovela “Tiêta”, exibida na Rede Globo em 1989. A cantora gravou um clipe para a canção que foi exibido no programa “Fantástico”. Com o sucesso, Gal Costa adicionou a canção ao seu álbum “Plural”, no ano seguinte.

A versão de Maysa está na trilha sonora nacional da telenovela “Páginas da vida”, exibida na Rede Globo em 2006.

Extraído de http://www.eternasmusicas.com/

Anisio Silva(1960)

Tags: alguém / Amorim / Anisio / disse / Gouveia /
  • Compartilhe:

Escreva um comentário:

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *