Fita amarela

Noel Rosa

…Nesse mesmo ano, Noel Rosa conheceu novos êxitos que se tornaram clássicos da música popular brasileira, como o samba “Fita amarela”, gravado pela dupla Francisco Alves e Mário Reis em 1932 e muito cantado naquele carnaval de 1933 (ouça adiante!).

Extraído de http://www.dicionariompb.com.br

Francisco Alves & Mario Reis & Orquestra Odeon(1932)

 

X.X.X.X.X.X

 

Noel Rosa compôs “Fita amarela” a partir de uma batucada, conhecida nas rodas de samba, atribuída a ‘Mano Edgar’ (Edgar Marcelino dos Passos), um bamba do Estácio. A batucada era assim: “Quando eu morrer / não quero choro nem nada / eu quero ouvir um samba / ao romper da madrugada”.

Na mesma época (fins de 1932), Donga e Aldo Taranto usavam o tema para compor o samba “Quando você morrer”, gravado por Carmen Miranda. A diferença era que enquanto Noel aproveitava apenas a ideia, Donga e Taranto copiavam também a melodia, segundo Almirante, que registrou o fato em sua coluna “Cantinho das Canções” (O Dia, 11.02.73).

O curioso é que, com o sucesso de “Fita amarela”, Donga protestou nos jornais, acusando Noel de plagiar seu samba. Já Mano Edgar não tinha como se manifestar. Havia sido assassinado num jogo de ronda em 24.12.31. De qualquer maneira, “Fita amarela” é um ótimo samba em que ressalta mais uma vez o lado espirituoso de Noel. Marca ainda, juntamente com “Até amanhã”, sua presença no carnaval de 33, ano pródigo em que teve mais de trinta composições gravadas.

Extraído de http://cifrantiga3.blogspot.com.br

 

X.X.X.X.X.X

 

No programa “Brasil Sonoro” levado ao ar no dia 18/06/2016, pela E-Paraná – 97,1 FM e 630 AM, a canção “Fita amarela” foi por nós lembrada no quadro ‘QUAL DELAS ?’ (ouça adiante!).

Tags: Alves / amarela / Donga / edgar / fita / noel / Odeon / reis /
  • Compartilhe:

Escreva um comentário:

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *