Naquele tempo

Pixinguinha & Benedito Lacerda

“Naquele tempo”, choro de Pixinguinha, é um verdadeiro clássico do gênero. E o primeiro a gravá-la foi o bandolinista pernambucano Luperce Miranda, pela RCA Victor em 1934. Lado A do 78 rpm. – 33.825 (ouça adiante!).

Extraído de Moreira no Choro

Luperce Miranda e Conjunto(1934)

 

X.X.X.X.X

 

Choro de exclusiva autoria de Pixinguinha, originalmente lançado em 1934 pelo bandolinista Luperce Miranda. Em maio de 1946, foi regravado pelo próprio Pixinguinha ao saxofone, em dueto com o flautista Benedito Lacerda, que recebeu coautoria por acordo comercial que havia entre ambos (confira em ‘O tempo não apagou’). A 6 de dezembro de 46, Abílio Lessa gravou esta versão cantada, com lançamento pela RCA Victor em maio de 47, disco 80-0513-B, matriz S-078660. Pixinguinha e Benedito também estão no acompanhamento (confira em ‘ O tempo não apagou’).

Extraído de Samuel Machado Filho

 

X.X.X.X.X

 

A excursão de Pixinguinha com os ‘Oito Batutas’ pela França era para ter durado um mês, mas acabou se estendendo por seis. Na volta, eles foram acusados de terem se rendidos aos cânones da música americana, especialmente o jazz. Foi nesse tempo que a gravadora Victor contratou Pixinguinha para ser seu maestro e arranjador. O já considerado instrumentista demonstrou toda sua gama de influências ao inovar as matizes do arranjo brasileiro e dar a ele uma roupagem nova, com elementos do jazz, da música africana, europeia e generosas doses de percussão que garantiam o tempero nacional. “Naquele tempo”, choro de 1934, gravado na época ao bandolim por Luperce Miranda, rememora tempos áureos sem perder de vista a continuidade. É a nostalgia de olho no futuro. O estrangeiro que auxilia no interior.

Extraído de http://www.esquinamusical.com.br

 

X.X.X.X.X

 

O choro “Naquele tempo’, até os dias de hoje, ganhou várias letras: p. ex. Fabio de Oliveira e Reginaldo Bessa. Entretanto, a da gravação feita por Abílio Lessa, não consegui a informação de quem seria o coautor com Pixinguinha.

Tags: lacerda / Luperce / naquele / Pixinguinha / Tempo /
  • Compartilhe:

Escreva um comentário:

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Kelva disse:

Olá QUAL DELAS. Primeiro, estou gratíssima pela postagem. Como vem se mostrando difícil a busca por informações sobre música brasileira. Então fiquei muito feliz ao ter encontrado esta página. Gostaria de fazer uma colocação sobre . Parece-me que o Nelson Ângelo fez uma versão para o choro UM A ZERO, não para o NAQUELE TEMPO, segundo consta nas páginas do DICIONÁRIO CRAVO ALBIN e JC ON-LINE. No blog DR ZEN há a letra da canção (versão do Nelson Ângelo). Mas como tudo o que venho pesquisando de música brasileira vem com informações truncadas e enigmáticas (risos), se você tem informação confiável sobre uma versão dele para o NAQUELE TEMPO, e não for difícil de dividir, seria possível mencionar a fonte? Fico grata ao quadrado!

Kelva disse:

Perdão, o blog é DR ZEM.

Salvador disse:

Realmente, Kelva, não sei de onde tirei esta informação. Não encontrei nenhuma menção a coautoria do Nelson Ângelo. Já corrigi o post. Fui traído pelo 1X0.