O quitandeiro

Paulo da Portela & Monarco

Segundo o compositor Alvaiade(Oswaldo dos Santos), “O quitandeiro” foi improvisado por Paulo da Portela, por ocasião do aniversário do também sambista Chocolate, em meados de 1932, como uma homenagem ao amigo aniversariante (ouça adiante!) .

Paulo da Portela faleceu em 1949.

A partir de 1976, a canção recebeu uma segunda parte feita por Monarco, ganhando a forma como hoje ela é conhecida (confira em ‘O tempo não apagou’).

O quitandeiro (Paulo da Portela) – Alvaiade(1975)

 

X.X.X.X.X

 

No programa “Brasil Sonoro” levado ao ar no dia 02/04/2016, pela E-Paraná – 97,1 FM e 630 AM, a canção “O quitandeiro” foi por nós lembrada no quadro ‘QUAL DELAS ?’ (ouça adiante!).
Tags: alvaiade / chocolate / monarco / paulo da portela / quitandeiro /
  • Compartilhe:

Escreva um comentário:

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Paulo Roberto Victer disse:

Essa música é muito digestiva e engraçada. Se fosse composta nos dias de hoje seria apontada como preconceituosa. Começando pelo aniversariante “chocolate” um negro da cor de chocolate e a sua mulher “crioula”. Mas, as gírias aplicadas na canção, não somente mostram a forma de expressão de pessoas humildes, bem como o jeito carinhoso em receber os amigos : prepara a barriga ” macacada”, com 30 litros de “uca” para fechar a ” butuca” desses ” nego beberão” ao qual o narrador faz parte. Portanto, é uma mensagem para os dias atuais que o preconceito está falta de interpretação das pessoas.

Gilmar Ribeiro Leitão disse:

Vendo hoje o programa encontro, uma polêmica sobre marchinha de carnaval preconceituosa, mais quando ouço a música Quitandeiro está sim é super preconceituosa porque chama a pessoa de cor de macacada!